31 maio 2010

Claymore (2007)

Título: Claymore (クレイモア)
Ano: 2007
Nº de Episódios: 26
Género(s): Acção, Fantasia

Foi uma conjugação de diversos factores que me levou a ver "Claymore", uma das inúmeras séries de animação produzidas anualmente no Japão.
A primeira (e mais importante) prende-se com o facto de eu ser uma "otaku" (só um pouco, lol) ou seja, uma pessoa que gosta de ler manga (BD japonesa) e ver anime (animação japonesa). A segunda tem a ver com o desafio da Whitelady, que reservou o mês de Maio à leitura de obras de autores japoneses e/ou sobre o Japão. Ela perguntou-me se eu não gostaria de participar, mas eu não fiquei muito convencida de ser capaz de ler livros só sobre o Japão durante um mês. Achei bastante mais fácil ver algumas séries animadas completas; foi assim que realizei a minha parte do desafio. Por fim, escolhi esta série em particular porque estou numa "fase" em que me apetece ler fantasia épica e consequentemente ver séries que se passem em ambientes fantásticos. Por tudo isto, "Claymore" foi a escolha ideal.

Orientada para o público masculino, o enredo de "Claymore" desenrola-se num mundo fantástico e medieval, onde monstros (chamados "Yoma") atacam vilas e cidades de humanos para se alimentarem. Após se alimentarem de um humano, os Yomas passam a assumir a forma da vítima confundindo-se com os outros habitantes e espalhando assim o terror entre aldeões e cidadãos que não sabem qual deles é nas verdade um monstro. Para combater este flagelo, uma misteriosa Organização recolhe mulheres e treina-as como guerreiras; o problema é que por melhor que se seja com uma espada é quase impossível para um humano matar um monstro. É por isso que após anos de treino estas guerreiras acolhem dentro de si, por meio de artes mágicas "a carne e os ossos de um Yoma", o que as torna mais fortes e mais rápidas do que os seres humanos normais.
Temidas tanto pelos Yomas como pelos humanos, estas guerreiras apelidadas de "Claymores" devido às espadas gigantescas que usam para a batalha ou "bruxas de olhos prateados" por causa dos seus olhos pouco usuais, viajam de cidade em cidade matando os monstros que as aterrorizam. A série segue a história de uma Claymore chamada Clare. À medida que a história se vai desenvolvendo, descobrimos o passado de Clare, o porquê das suas escolhas e também a razão porque se tornou uma Claymore.
O anime é baseado na Manga da autoria de Norihiro Yagi com o mesmo nome.

Gostei bastante desta série. Tem muita acção, bastante "gore" e é viciante. O ambiente fantástico é bastante genérico, com vilas medievais, guerreiros com armaduras e espadas. No entanto achei que o facto das mulheres serem as guerreiras mais fortes e serem elas que combatem e têm na verdade o poder para destruir os Yoma torna a história mais original. O enredo estava bem encadeado, com partes iguais (e equilibradas) de cenas de acção e desenvolvimento das personagens
O final foi um bocado abrupto porque, segundo consta, a manga ainda não está completa (pelo que algumas linhas de acção ficam incompletas), mas achei que, no geral, tanto em termos de história como de personagens, "Claymore" é uma anime bastante interessante... para quem gosta deste tipo de coisas. ^_^

1 comentário:

DEANA BARROQUEIRO disse...

Amiga Slayra

Venho agradecer o seu comentário, a propósito do meu livro O Romance da Bíblia, no Blogue Este Meu Cantinho, onde deixei um comentário para as duas pessoas que intervieram no post.
Foi uma obra que me deu grande prazer a escrever e também alguma dor. E é das mais interventivas, porque dou a minha visão sobre a condição da mulher e a hipocrisia das histórias exemplares dos livros ditos sagrados. Julgo ter igualmente conseguido descrever em profundidade o erotismo e a libido feminina.
Estarei no dia 14 de Junho, às 19 h. na Fnac do Colombo, para uma apresentação do livro. Teria imenso prazer em a conhecer. Um beijo de gratidão.