15 outubro 2011

Opinião: Sweep, Vol. 2 (Cate Tiernan)

Editora: Speak (2010)
Formato: Capa Mole | 564 páginas
Géneros: Lit. Juvenil, Fantasia Urbana
Descrição (GR): "Morgan Rowlands is a blood witch, the last of a long line of ancient and powerful witches and the holder of an unfathomable power. With the help of her love, her soul mate, Cal, she has realized her true self - but at at price. For Morgan and Cal share a terrible, dark secret, one that binds them together even as they are rent apart. Yet there is something about Cal's hunger for magick that firghtens Morgan.... And now there is another one who can bring Morgan clarity, truth... love. Morgan must decide who is her true love, and who is out to destroy her forever..."
Neste segundo volume da série "Sweep" ou "Wicca", que agrega os livros 4, 5 e 6, continuamos a seguir as aventuras de Morgan Rowlands uma bruxa de sangue cujo clã - os Woodbane - tinha dos bruxos mais negros da história até alguns se terem reformado.

Mas se alguns Woodbane se reformaram o mesmo não se pode dizer de outros. Traída pelo seu namorado Cal, também ele um Woodbane, Morgan tem agora de aprender a viver com o facto de ter sido enganada. Tem também de tentar resistir à perigosa atracção que sente por Hunter, um Caçador de magos negros enviado pelo Concelho Internacional das Bruxas para apanhar Cal e a sua mãe, Selene. E ainda com o perigo que a própria Selene representa, pois esta impiedosa bruxa quer o poder de Morgan e fará tudo para o conseguir.

Devem estar a perguntar-se porque é que esta opinião está em português. Bem, na verdade, achei que seria um livro apelativo para os leitores nacionais, uma vez que tem elementos em comum com a saga Harry Potter (da britânica J.K. Rowling) e com os livros do Círculo Secreto da L.J. Smith (podem consultar a minha opinião desta série aqui) para já não falar com as parecenças que tem com Hex Hall de Rachel Hawkins. E além disso já escrevi uma mini-opinião do primeiro volume.

Esta série de Cate Tiernan constitui uma leitura agradável. O primeiro volume foi interessante porque Morgan descobre que é uma bruxa e começa a praticar feitiços e a fazer poções e cremes, mas neste segundo temos um incremento no nível da acção que irá certamente agradar aos leitores. O romance entre Morgan e Hunter também se desenvolve de forma mais gradual e realista do que o que temos no primeiro volume.

O segundo volume traz também o culminar do enredo que vem já a desenvolver-se desde o primeiro livro. Aliás, penso que estes seis livros, bem editados podiam perfeitamente ser transformados apenas num, uma vez que lidam com a mesma história. Se tivesse comprado estes livros em separado (cada um com as suas 150 páginas) ter-me-ia sentido algo burlada pois cada uma das obras é muito pequena e não tem história suficiente para que o leitor se sinta satisfeito com a sua leitura (é necessário lê-los a todos para que haja um final definido). 

No geral, este livro foi interessante. Gostei da forma como a autora explorou o seu 'sistema de magia' e o mundo da Wicca. As personagens não são particularmente memoráveis mas também não são do tipo de protagonistas que nos irritam. Recomendado para fans de séries como Hex Hall e mesmo Harry Potter (apesar dos livros de Cate Tiernan não serem tão complexos ao nível da história e das personagens).

Mini-Review: just like the first, this second bind-up was... entertaining. Still don't know how the author managed to sell each book as a stand alone. There is just not enough 'story' in any of the three books contained in this omnibus to make for a satisfying solo read. 

Sem comentários: